Quem fala menos possui ideias mais interessantes, você sabia

É muito fácil quando a pessoa começa a fechar a boca e abrir os ouvidos tudo fica mais claro e fácil para entender o problema de outra pessoa, é o caso do psicologo que ouve seus pacientes para depois dar a sua resposta nesse artigo vamos falar de pessoas que fala menos tem uma chance melhor de entender tudo que está acontecendo ao seu redor e também para pessoas que tem timidez e quer se abrir mais para novas conversas enovas amizades. E, ao ser quem ouve o que se passa, você estabelece laços de amizade que podem ser úteis no futuro.
É claro que você não deve só ouvir o que os outros têm a dizer e confiar e fazer cegamente o conselho que foi dado. É importante ouvir a si mesmo e levar em conta o que você está sentindo por dentro.

Você tomará melhores decisões desta forma, se aproximando ainda mais de um consenso entre o que te dizem e o que você pensa.

Puxando uma conversa com uma pessoa estranha

1. Existem muitos tipos de clichês para puxar conversa um deles é perguntar sobre o clima saiba que isso são as piores formas de começar uma conversa. Deixe de lado os assuntos desgastados. Sempre encontre uma forma única de começar a conversa.
2. Inicie uma pergunta sobre a opinião das pessoas em determinados assuntos, porque isso sempre são ideias diferentes, se você não conhece muito bem a pessoa, comece com assuntos mais leves, como arte, séries, música e filmes, essa é uma boa forma de chegar à assuntos como política.
3. Perguntar sobre a roupa ou os acessórios que a pessoa está usando.
4. Faça uma pergunta que seja fácil de responder
5. Comente sobre o ambiente. Não importa onde você está, sempre há coisas para serem comentadas: a música, a comida, as pessoas.
6. Pergunte por uma atualização

Saiba que quando ser humano fala sobre brilhantes idéias, pessoas medíocres falam sobre coisas pequenas ou falam sobre a vida de outras pessoas e quando o ser humano mais agradável e bem sucedido falará de sonhos, felicidade e principalmente sai do conforto e colocam as boas ideias em prática errar e aprender todos os dias faz parte de nós.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*